Castanho escuro

Olhos que prendem na imensidão
:
De sorriso frouxo
Boca macia
Pele alva

Olhos que querem o melhor do mundo
Mas se tiver uma cerveja gelada já serve, olhos simples.

Olhos que falam
:
Que queimam, transpiram desejo
Apego
E desapego

Olhos que brilham de lágrimas
Que secam sem lágrimas
Olhos que fecham e quando abrem querem enxergar possibilidades infinitas

Olhos que um dia desenhei mesmo sem saber de traçado
Olhos que morei, mesmo sem saber que seriam minha casa

Marcelo C.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s